Quando a Kiwify pode reembolsar minha venda?

A Kiwify reserva o direito de fazer o reembolso de uma ou mais de suas vendas nas seguintes situações:

Reembolso solicitado pelo comprador dentro do período de 7 dias da garantia

O Código de Defesa do Consumidor do Brasil estipula que os compradores tem 7 dias para fazer a desistência de uma compra e pedir o reembolso.

Para solicitar cancelamento o Cliente deverá entrar em contato diretamente com o Produtor do Conteúdo. Caso não tenha recebido retorno do Produtor ou não concorde com os termos do Produtor, o cliente deverá entrar em contato pelo chat diretamente no site ou enviar um e-mail para suporte@kiwify.com.br informando os detalhes da compra e explicando os motivos do Cancelamento.

Compras realizadas através de boleto bancário o reembolso poderá ser realizado somente para uma conta bancária vinculada ao documento da compra.

A equipe da KIWIFY irá analisar o caso e poderá fazer o reembolso no prazo de 48h úteis, desde que a solicitação de cancelamento esteja dentro do prazo de 7 dias após a compra, e que exista saldo disponível na conta do Produtor.

Alerta de potencial chargeback

Um chargeback ocorre quando um cliente liga no banco e diz que não reconhece uma compra no cartão de crédito.

Isso é diferente de um reembolso, pois o chargeback é iniciado pelo banco, como se fosse um "reembolso forçado".

Existe um limite de 1.5% de chargebacks, que se ultrapassado pode gerar multas e até descredenciamento nas operadores de cartão de crédito. Portanto é muito melhor fazer um reembolso do que levar um chargeback.

Com intuito de evitar chargebacks, alguns bancos e bandeiras de cartão tem um sistema de alerta de chargeback.
Nesse caso a Kiwify recebe um alerta falando que uma venda tem mais de 99% de chance de virar um chargeback, e deve ser reembolsada para evitar um aumento na taxa de chargeback.

Quando recebemos esse alerta, automaticamente fazemos o reembolso da venda, pois é praticamente garantido que ela se tornaria um chargeback.

Não se preocupe, esses casos são raros, geralmente entre 0.1% e 0.3% das suas vendas.

Suspeita de fraude

As vezes o seu produto digital pode ser alvo de fraudes, que causam chargebacks 2-4 semanas após a venda.

Geralmente os fraudadores compram o seu produto digital com um cartão de crédito clonado, para depois piratear e vender na internet. Portanto é do seu interesse evitar esses fraudadores.

Se o nosso sistema perceber que uma ou mais vendas tem alta chance de serem fraudulentas (mais de 95%), nós também fazemos o cancelamento e reembolso automático.

Por exemplo, não é normal um comprador utilizar 10 cartões de crédito diferentes para tentar comprar o seu produto, ou tentar fazer várias compras repetidas. Nesses casos as vendas seriam canceladas e reembolsadas.

É normal ter fraudes quando você vende produtos digitais, mas geralmente não deve passar de 0.5% das suas vendas

Conteúdo proibido

Reservamos o direito de reembolsar as vendas de conteúdo proibido, conforme os nossos termos de uso.

Por exemplo, se você vender conteúdo pirateado, material pornográfico, ou qualquer coisa ilegal, as suas vendas serão reembolsadas e a conta bloqueada.

Considerações finais

Entendemos que é frustrante ter que cancelar e reembolsar uma venda, ou levar um chargeback.

Infelizmente isso é algo normal quando você venda na internet. Pelo menos por vender um produto digital, você não tem custo quando envia um produto (diferente de um e-commerce físico, que teria prejuízo na venda).

Recomendamos que você precifique o seu produto já levando em consideração que uma % das suas vendas vai ser reembolsada por desistências (3 a 10%), e uma % ainda menor vai sofrer chargeback ou alerta de fraude (0.2 a 1%).

Dessa forma você foca no que é importante: Crescer o seu negócio e vender mais!
Este artigo foi útil?
Cancelar
Obrigado!